Falha altamente crítica no browser Opera

Segundo fonte oficial, o browser Opera coloca em risco os seus utilizadores Windows e Mac a ataques de execução de código remoto.

A vulnerabilidade já está corrigida na versão 10.53.

Achaste interessante? Partilha!
    Analista de segurança web com vários anos de experiência. Fundador do projeto WebSegura.net. Reconhecido publicamente, por divulgação de vulnerabilidades, por empresas como a Google, Adobe, eBay, Microsoft, Yahoo, Panda Security, AVG, Kaspersky, McAfee, Hootsuite e outros. Colabora regularmente com a comunicação social em temas relacionados com a segurança de informação.

    Que tal participar com o seu comentário?