Investigadores de Coimbra desenvolvem código de verificação para softwares

No Público:

Durante dois anos, uma start up formada por investigadores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (UC) – a DOGNAEDIS – foi detectando vulnerabilidades nos 40 maiores softwares livres existentes no mercado, nomeadamente em softwares utilizados pelo Estado português.

“O Code V identificou 28 vulnerabilidades do tipo zero-dias, isto é, problemas de segurança não conhecidos até a data. Estas 28 vulnerabilidades serão divulgadas publicamente mas de forma responsável, garantindo que não são utilizadas para fins maliciosos antes de haver um antídoto disponível”, explicou através de um comunicado da UC Francisco Rente, investigador daquela universidade e director executivo da DOGNAEDIS.

Explicado de modo simples, o Code V (código de verificação) é um “inspector-professor inteligente que detecta problemas de segurança no software, em todas as suas fases de desenvolvimento, dispara alertas, produz relatórios e dá instruções para a rápida correcção dos problemas identificados. Em suma é um perito de segurança informática”, explicou Francisco Rente.

(…)

Excelente iniciativa made in Portugal.

Achaste interessante? Partilha!
    Analista de segurança web com vários anos de experiência. Fundador do projeto WebSegura.net. Reconhecido publicamente, por divulgação de vulnerabilidades, por empresas como a Google, Adobe, eBay, Microsoft, Yahoo, Panda Security, AVG, Kaspersky, McAfee, Hootsuite e outros. Colabora regularmente com a comunicação social em temas relacionados com a segurança de informação.

    Que tal participar com o seu comentário?