Segurança no topo das prioridades das empresas portuguesas

As empresas portuguesas deverão investir mais de 54 milhões de euros em segurança informática ao longo de 2010, face à evolução significativa das ameaças e devido aos novos desafios tecnológicos.

Pessoalmente custa-me um pouco acreditar e possivelmente apenas as grandes empresas estarão envolvidas neste investimento. Para quando um financiamento europeu ou um fundo de ajuda para combater/prevenir o cibercrime?

Artigo completo pode ser lido [aqui].

Achaste interessante? Partilha!
    Analista de segurança web com vários anos de experiência. Fundador do projeto WebSegura.net. Reconhecido publicamente, por divulgação de vulnerabilidades, por empresas como a Google, Adobe, eBay, Microsoft, Yahoo, Panda Security, AVG, Kaspersky, McAfee, Hootsuite e outros. Colabora regularmente com a comunicação social em temas relacionados com a segurança de informação.

    Que tal participar com o seu comentário?