Todos os posts tagados eua

Agências governamentais britânicas alvo de ciber ataques

No Público:

Num artigo publicado no Times, o director da GCHQ (agência com competências similares à National Security Agency nos Estados Unidos), Ian Lobban, afirma que houve ataques “significativos” ao sistema de computadores do Ministério dos Negócios Estrangeiros durante o Verão, frisando porém que os mesmos “não tiveram êxito” – não deixando os mesmos de “colocar uma séria ameaça ao bem-estar económico do Reino Unido”.

“O volume dos crimes informáticos sobre os sistemas do Governo e da indústria continua a ser muito preocupante. Posso confirmar a ocorrência de tentativas para roubar ao Reino Unido ideias e designs – nos sectores de tecnologias de informação, tecnologia, defesa, engenharia e energia, e ainda outras empresas – de forma a ganhar vantagem comercial ou lucros a partir de informações que são secretas”, insistiu Lobban, na véspera de se realizar uma conferência de dois dias, em Londres, sobre segurança informática.

(…)

Cibersegurança reúne líderes mundiais em Londres

No Sol:

A cibersegurança vai ser o mote de uma reunião a ter lugar amanhã em Londres, que reúne a nata cerca de 900 líderes mundiais, tanto a nível político como empresarial.

Entre os presentes vai estar a secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, o ministro do Exterior inglês, William Hague, o co-fundador da Wikipedia, Jimmy Wales, o vice-presidente da empresa de telecomunicações chinesa Huawei, assim como representantes do Facebook, da Google e da Microsoft, entre outros.

Nesta cimeira irão ainda estar presentes os responsáveis pelas agência de segurança informática de vários países e empresas que trabalham na área da segurança na Internet.

(…)

Que a cimeira sirva realmente para tomar medidas e precauções contra o crime online. Das cimeiras a actos ainda vai um longo caminho.

EUA criam ferramenta gratuita contra ciberataques para pequenas empresas

No IDG Now!:

Com os hackers cada vez mais de olho nas pequenas empresas, a Comissão Federal de Comunicações dos EUA (FCC) anunciou ontem, 24/10, que fornecerá uma ferramenta online para ajudar essas companhias a desenvolverem uma estratégia de segurança na web.

O software Small Biz Cyber Planner fará uma série de perguntas como “A sua empresa usa cartões de crédito?” e “Sua companhia tem um site público?”. Depois, baseado nas respostas ele irá gerar um guia de planejamento para ajudar as empresas a colocarem em prática algumas políticas de proteção contra ameaças virtuais.

“Com as grandes companhias aumentando suas proteções, as pequenas empresas agora são os alvos mais fáceis para os cibercriminosos”, afirmou o diretor  da FCC, Julius Genachoski, durante o evento de lançamento da ferramenta.

(…)

Aviões-robô da Força Aérea americana são infectados por vírus

No IDG Now!:

Um vírus de computador infectou o cockpits dos aviões não-tripulados (drones) Predator e Reaper, registrando todos os comandos enviados para essas naves, usadas em missões de combate no Afeganistão, Iraque e outros lugares.

Segundo reportagem da Wired, o vírus, detectado há quase duas semanas pelos militares, não impediu as operações no exterior. Também parece não ter havido vazamento de dados. No entanto, o malware tem resistido ao esforço para limpá-lo do computadores da base da Força Aérea Creech, em Nevada (EUA).

(…)

Com tanto investimento nos sistema militares, não são capazes de prevenir este tipo de situações? Parece que não.

Grupo Anonymous com 10Gb de informação confidencial

No Sol:

Um total de 10 gigabytes de informação terão sido roubados pelo grupo de piratas informáticos ‘Anonymous’. os dados reportam-se a investigações em curso em 70 estruturas judiciais dos Estados Unidos.

Os dados roubados foram publicados na internet: emails, pistas cedidas por civis, números de cartões de crédito e outras informações relevantes.

(…)

Será que esta guerra vai ter fim? Não serão os utilizadores os mais prejudicados?