ENISA analisa segurança nas novas normas Web

No TeK:

Um estudo hoje divulgado pela ENISA identifica 51 ameaças de segurança em 13 normas web e propõe ações para as endereçar.

Banca, redes sociais, compras, navegação, pagamentos por cartão ou gestão de infra-estruturas críticas, como as redes energéticas, são apenas algumas das áreas apontadas pelo organismo europeu como exemplos de domínios em que toda (ou quase toda) a atividade passa por browsers de Internet.

“O browser é hoje uma das componentes mais críticas da nossa infraestrutura da informação e um alvo cada vez mais lucrativo para ciberataques”, comenta Udo Helmbrecht, diretor executivo da ENISA, explicando as motivações da análise.

(…)

Achaste interessante? Partilha!
    Analista de segurança web com vários anos de experiência. Fundador do projeto WebSegura.net. Reconhecido publicamente, por divulgação de vulnerabilidades, por empresas como a Google, Adobe, eBay, Microsoft, Yahoo, Panda Security, AVG, Kaspersky, McAfee, Hootsuite e outros. Colabora regularmente com a comunicação social em temas relacionados com a segurança de informação.

    Que tal participar com o seu comentário?