2011 foi um ano de scams no Facebook

2011 foi um ano de scams no Facebook

Baseado apenas na minha análise pessoal, o ano de 2011 foi um ano de imensos ataques aos utilizadores do Facebook. Sinónimo também do crescimento desta rede social na web.
Desde ataques clickjacking (ou likejacking), engenharia social, brute-force, etc… tudo foi utilizado para angariar contas ou propagar malware pela rede social de Mark Zuckerberg.

Claro que 99% destes ataques poderiam ser evitados, não fosse a falta de atenção (ou falta de formação), da maioria dos utilizadores afectados. Ofertas milionárias, vídeos escandalosos de celebridades, gajas boas… tudo serve para o clique inocente dos curiosos.

Comprovando esta análise, no projecto WebSegura.net, em 2011, os artigos mais vistos foram:

FRAUDE – FREEAPPFACEBOOK.COM – QUEM VISITA PERFIL E MUDAR COR DO FACEBOOK
CUIDADO COM AS IDENTIFICAÇÕES EM ÁLBUNS NO FACEBOOK

Na minha perspectiva, este tipo de ataques têm tendencia para aumentar e, enquanto não forem estabelecidas políticas de segurança e privacidade rígidas no Facebook, estes vão ser sempre uma pedra no sapato para muitos utilizadores.

Achaste interessante? Partilha!
    Analista de segurança web com vários anos de experiência. Fundador do projeto WebSegura.net. Reconhecido publicamente, por divulgação de vulnerabilidades, por empresas como a Google, Adobe, eBay, Microsoft, Yahoo, Panda Security, AVG, Kaspersky, McAfee, Hootsuite e outros. Colabora regularmente com a comunicação social em temas relacionados com a segurança de informação.

    Que tal participar com o seu comentário?